sábado, 31 de dezembro de 2011

"Os Homens Querem Casar e as Mulheres Querem Sexo" - 08 de Janeiro



Com a atuação dos globais Carlos Simões e Hedla Lopes (Zorra Total), o espetáculo conta a história de Jonas, um rapaz que tenta de todas as maneiras, e...ncontrar uma mulher para casar. Durante essa busca, muitos tipos de mulheres passaram pela sua vida deixando muitas histórias.
Freqüentador assíduo de casamentos, de conhecidos e desconhecidos, ele briga por todos os buquês e enfeites de bolo...
Depois de mais uma tentativa frustrada em um casamento, ele resolve ir para o um lounge de casamento, beber e desabafar com seu lado feminino ... E é nesse lugar que sua vida se transforma.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Troféu Cultura no Teatro 2011 - Vem aí !!!

TCT

Troféu Cultura no Teatro 2011

22/12/2012 – 20h

35 agraciados !!!

CATEGORIA : Realizadores:

São aqueles que contribuíram com o engrandecimento da cena Cultural através de seus eventos de excelentes resultados e disseminação, gerando e atraindo novos entusiastas no Teatro Municipal:

GRUPO CRECHE NA COXIA – Silvana Lima
STUDIO FAMA – Fabiana Kury
BALLET OFÉLIA CORVELLO – Ofélia Corvello
BALLET MÁRCIA SAMPAIO – Márcia Sampaio
CABO FRIO BALLET – Regina Sampaio
ARTE NO HARÉM – Angelitta Moyra
CURTA CABO FRIO – Miguel Fornaciari
BONECART – Clarêncio Rodrigues
ART POPULAR – Carlos Alberto
ECLECTICAMENTE NA DANÇA – Francisco de Mattos
MOVIMENTO NEGRO – Margareth Ferreira
BIBLIOTECA WALTER NOGUEIRA – Zuleika Crespo
LD ARTES E EVENTOS – Lívia Diniz
TEATRO POSSÍVEL – Mímico – Jiddu Saldanha
BANDA SINFÔNICA DA POLÍCIA MILITAR – Ten. Azedias
C.E.T.J. – Márcio Alves
CIA. DE DANÇA ROSA DEMARCHI – Rosa Demarchi
CIA. DE DANÇA ADRIANO LABIS – Adriano Labis
ALEART – Carlos Alberto Foraux
FEIRA LITERÁRIA INFANTIL – Isabelle Valadares
Curadora do Foyer do Teatro - Dyandreia Portugal


CATEGORIA : Comunicadores:

São aqueles que mais contribuíram no auxílio à divulgação dos nossos eventos, fossem os mais simples aos de maior repercussão. Causando excelente impressão com suas matérias, num tom de seriedade e compromisso com a informação verídica.

Amaury Valério – Programa Amaury Valério
Walmor Freitas – Jornal O Completo
Moacyr Cabral – Folha dos Lagos
Álex Garcia – Blog Cartão Vermelho
INTERTV - A equipe

CATEGORIA : Empresarial:

São aqueles que ao longo do tempo se tornaram parceiros mais ativos não só em beneficiar o espaço físico do Teatro com suas doações e contribuições, mas também por participarem em apoio aos eventos de iniciativa do Teatro Municipal, como é o caso da Mostra Infantil de Teatro e Dança, do Festival Luzes do Oriente, do Aniversário do Teatro, entre outros.

D&C – Ricardo Guadagnin
MADEIREIRA ITA – Eduardo Rosa de Andrade
CABO GRILL – Francisco Paulo de Assis
JACK GRILL – Aldenir Luiz Ribeiro Soares
SOLLAX – Equipamentos de Segurança no Mar – Paulo Alves Cardoso
POUSADA MARIÁ – Radamés Muniz
GRÁFICA A JATO – Leandro Soares
SPOLETO – Vladmir Socostnic
TOCA DO LOBO – Guilherme Lobo


SELEÇÃO DE ELENCO de apoio

FREQUÊNCIA AO TEATRO



"Navegando pela internet, li uma pequena nota sobre uma pesquisa que a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro - Fecomércio-RJ realizou com mil pessoas noBrasil sobre a frequência que o brasileiro vai o teatro. Em 2010, apenas 7% responderam que foram conferir alguma peça teatral. Quando se verifica o motivo pelo qual o público não frequenta o teatro, para surpresa de muitos, não foi o valor das entradas o fator preponderante, mas sim a falta de hábito. Este motivo foi apontado por 42 % daqueles que responderam à pesquisa. Esta pesquisa acaba por derrubar, em certa medida, a reclamação de muitos de que os valores praticados no Brasilsão muito altos. Se compararmos com outros países, especialmente com espetáculos da Broadway ou mesmo dos cabarés franceses, vemos que os preços são nivelados tanto lá quanto aqui. E ainda temos uma variedade enorme de espetáculos com preços muito acessíveis. Basta olhar a programação dos mais importantes centros culturais do país para vermos que os preços praticados são bem baixos. Cito aqui a Caixa Cultural, o Centro Cultural Banco do Brasil, oItaú Cultural, o sistema SESC, o Santander Cultural, entre muitos e muitos outros. Todos estas casas de cultura tem programação gratuita ou a preços bem baixos. Fora a infinidade de espetáculos gratuitos que integram mostras e festivais espalhados pelo país. É claro que se formos considerar os musicais que tanto fazem sucesso no eixo Rio-São Paulo e as peças com atores "globais", os preços dos ingressos são bem salgados, mas há público que paga o valor cobrado. Assim, os preços continuam alto. Confesso que, sempre que posso, assisto a um musical quando em viagem a São Paulo. Mas também vasculho a programação das cidades em que estou procurando uma peça em cartaz para conferir. Sempre acho. Aproveito para conhecer o teatro e conferir bons espetáculos de grupos locais ou regionais, a preços bem acessíveis.
Voltando à pesquisa, a constatação de que falta hábito é preocupante, mas há uma luz no final do túnel. Se falta hábito, basta criá-lo. Para isto o investimento em formação de público é muito importante. Esta formação de público não é só necessária para as artes cênicas, mas para qualquer forma de arte. Felizmente, venho notando, mesmo que timidamente, esta preocupação nos produtores brasileiros. Formação de público é lenta, pois não se crie um hábito da noite para o dia. É preciso persistência. Investir em todas as faixas etárias, dialogar a linguagem do grupo, são fatores que devem ser observados. Investir na criança e no adolescente é algo vital para se criar hábito, mas este investimento passa também pela educação dos pais e porque não dos idosos, já aposentados, que tem tempo livre e disposição para ver um espetáculo ou uma exposição. Os programas educativos já são presença constante nas mostras de artes plásticas nos centros culturais que citei linhas acima. Como sou um aficionado por cultura, vivencio o máximo que posso as atrações em cartaz na cidade, seja a que moro, seja onde estou, a passeio ou a trabalho. Tenho notado que há sessões específicas para escolas públicas em determinadas atrações teatrais, geralmente gratuitas. Isto é muito bom, mas não pode ficar só em uma ou duas sessões, tem que haver uma expansão desta política para todas as produções em cartaz. É o lado da responsabilidade social das empresas que são as produtoras destes eventos, não interessando se houve ou não houve dinheiro público ou renúncia fiscal envolvido no financiamento do espetáculo em si. Outra ação que sei que funciona são as campanhas anuais para atrair público para o teatro. Belo Horizonte já tem uma campanha de fomento às artes cênicas há pelo menos duas décadas. Acontece no mês de janeiro, quando há filas para adquirir entrada para uma peça de teatro, já que os preços são mais baixos nesta época. Forma-se público, há mercado de trabalho para atores, atrizes e técnicos, além de manter uma cultural pulsante na cidade. São Paulo tem um programa de distribuição gratuita de entradas para os espetáculos em cartaz que também movimenta bem o cenário. Com poucos exemplos que citei, vê-se que há uma luz e que há movimento no sentido de que o hábito seja criado no brasileiro, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido.
Vida longa ao teatro no Brasil! "

(texto enviado pelo amigo Noel) 

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

VII Balanço Social - Parabéns a Todos!

Assistência Social realizou Balanço Social de 2011 com show de dança e música (24/11/2011)

Assistência Social realiza Balanço Social de 2011 com show de dança e música
A Secretaria Municipal de Assistência Social promoveu, nos dias 22 e 23 deste mês, no Teatro Municipal Inah de Azevedo Mureb, o VII Balanço Social, organizado pelo Departamento de Proteção Social Básica, que preparou uma programação de dança e música com crianças e adolescentes entre 3 e 17 anos. Todos fazem parte dos programas dos  CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) e do Projovem de Cabo Frio.
Nestes locais, os alunos participam de oficinas de jazz, orquestra, balé clássico, música instrumental, percussão, capoeira e natação. As atividades são desenvolvidas por profissionais qualificados e técnicos especializados, com apoio de psicólogos, assistentes sociais e pedagogos.
A novidade da festa este ano foi a brinquedoteca, com crianças entre três e seis anos,  que são reunidas em oficinas e grupos de convivência nos CRAS, com atividades lúdicas.
A Secretária de Assistência Social, Olívia Sá, explicou que “ao longo do ano, crianças e adolescentes mostram-se solidários quando frequentam os CRAS e essa evolução afetiva pôde ser conferida no teatro, quando subiram ao palco com emoção”.
Para a diretora do Departamento,  Cristina Mesquita, “os usuários puderam, nesses dois dias, mostrar que participam ativamente  das diversas  ações socioeducativas desenvolvidas em suas comunidades”.
- Trata-se, na verdade, de promover a inclusão social de uma faixa da população de menor poder aquisitivo. A idéia é fortalecer os laços familiares e a auto-estima de cada um dos participantes, minimizando os riscos sociais.
A coordenadora geral do espetáculo, Sueli Machado, conseguiu reunir mais de 900 usuários do Projovem e dos seis Cras que funcionam no município – Jardim Náutilus, Monte Alegre, Manoel Corrêa, Praia do Siqueira, Jardim Esperança e Segundo Distrito.
No primeiro dia, a série de apresentações começou com um show da orquestra do Cras e do projeto Uma Música em Minha Vida, sob a regência do maestro Walquer Barbosa. Os 36 integrantes executaram o Hino Nacional Brasileiro, o Hino de Cabo Frio e Um Concerto para o Verão. Logo em seguida as crianças da brinquedoteca interpretaram o espetáculo Boneca de Lata, de Bia Bedran.
Depois, 45 componentes da oficina de balé apresentaram sete coreografias de histórias infantis, seguidas de um show de jazz com seis coreografias executadas por 53 jovens. O grupo seguinte, com 80 componentes, mostrou números de dança, incluindo um que foi inspirado no Cirque du Soleil. As duas apresentações de encerramento do primeiro dia foram uma roda de capoeira, com 47 usuários e 35 componentes do Projovem Adolescente que fizeram uma retrospectiva de música popular brasileira.
O segundo dia do VII Balanço Social, apesar da chuva, atraiu uma platéia que voltou a lotar o teatro municipal. Sob a regência do facilitador de oficina, maestro David Cesar, 66 jovens se apresentaram no palco interpretando músicas brasileiras com violões, teclado e voz. Uma nova apresentação de balé ficou a cargo de 77 alunos do Projovem, que mostraram nove coreografias.
Em seguida, um grupo de berimbau foi ao palco, seguido de outra turma da brinquedoteca, com mais 46 crianças, entre três e seis anos de idade.  Os musicais de clássicos internacionais do cinema serviram de tema para dez coreografias de 102 alunos das aulas de balé.  A festa de encerramento ficou por conta de  85 alunos do Projovem Adolescente  que criaram  um musical com o tema “África, berço da humanidade”. Logo depois,  47 usuários das oficinas de percussão concluíram as apresentações.


quinta-feira, 17 de novembro de 2011

CURSO DE INTERPRETAÇÃO TEATRAL 2012 - Inscrições



O curso é inteiramente gratuito e as inscrições para seleção das turmas 2012 estarão abertas a partir de 05 de dezembro deste ano e vão até 11 de janeiro de 2012. Fazer inscrição diretamente na secretaria do Teatro, de segunda à sexta - das 13h às 18h. O (a) pretendente deverá ter no mínimo 15 anos de idade (não há idade máxima) - Também deverá levar cópia de documento de identidade.   E somente após resultado de seleção é que deverão apresentar 2 (duas) fotos 3x4.  A previsão é de 35 vagas para a Turma Básica e de 25 vagas para a Turma Intermediária e somente a Turma Avançada é que já se encontra montada. Só haverá teste de seleção caso ultrapasse o número máximo de inscrição.

É bom lembrar de que o Teatro recebeu cerca de 90 inscrições em 2009; 130 inscrições em 2010 e em 2011 registramos mais de 200 inscrições. 

Maiores informações: www.teatromunicipaldecabofrio.blogspot.com - (22)2645-4472 / 9951-7331


"OS DOIS REIS" - Um sucesso no último dia 15 !!































Foi um GRANDE Espetáculo, sucesso de público e grande realização no coração dos formandos do Curso Intermediário de Interpretação do Teatro Municipal de Cabo Frio Inah de Azevedo Mureb, que foram prestigiados por casa lotada, mesmo com a chuva intensa. Sob a direção e narração do professor Anderson Macleyves, subiram ao palco para montagem adaptada de duas obras clássicas do Teatro: "Édipo Rei" de Sófocles e "Rei Lear" de William Shakespeare - adaptação intitulada de "Os Dois Reis" que foi encenada com entrada franca, no feriado de 15 de novembro às 20h no Teatro Municipal de Cabo Frio.
O elenco formado por: Walter Ramos, Hiago Lucas, Letícia Batista, Alexya Fernandes, Ed Alves, Fátima Oliveira, Camila Motta, Alan Ranieri, Marcos Mirandão, Beth Navarro, Luã Batista, Danillo Abrantes, Rosano Rabelo, Winny Guimarães, Luana Azeredo, Leonardo Cunha, Wagner Cabral e Wanderson Scorza.

NOITE DE FORMATURA E MUITA FELICIDADE - Missão Cumprida

Após a apresentação ocorreu a entrega da Certificação e Formatura destes alunos que abrilhantaram a noite de todos, em companhia também dos alunos do Curso Básico de Interpretação (que já haviam encerrado o Curso com apresentação de "Fragmentos" de Nelson Rodrigues no dia 05 de novembro) e que aproveitando a oportunidade pediram a palavra ao microfone para fazer bela leitura de Texto em Homenagem à Administração e ao próprio Teatro Municipal. Estes também foram Certificados e, como não são bobos nem nada, saíram muito felizes, aplaudidos por todos. O outro professor, do Curso Básico, conhecido "Jesus" de Cabo Frio, meio tímido, meio gago naquela noite, resolveu sair mais cedo, quem sabe, com os ventos do carnaval vindouro, já estar ensaiando algo para o ano que vem. 
Todos muito satisfeitos pela Missão Cumprida, principalmente pelo resgate e compromisso com o curso de interpretação que fora reaberto em 2009 após cinco anos de interrupção. Nosso curso veio atendendo a mais de 20 bairros de Cabo Frio, incluindo o 2º Distrito.





quinta-feira, 10 de novembro de 2011

"OS DOIS REIS" - adapt. Shakespeare e Sófocles - Neste dia 15 de novembro às 20h

OS DOIS REIS 

Somente neste FERIADÃO de 15 de Novembro às 20h - No Teatro Municipal de Cabo Frio Inah de Azevedo Mureb


Resgatado em 2009, o Curso de Interpretação do Teatro Municipal de Cabo Frio, preencheu uma lacuna e fomentou novos artistas, novas "estrelas, a brilhar no palco do Municipal. Um grande passo para incentivo do crescimento das artes cênicas na Região. Trabalho este que em conjunto com o resgate do Festival Estudantil de Teatro traz espaço e nova esperança aos neófitos da Interpretação. A administração do teatro se preocupou em montar 3 módulos de curso: Módulos de 8 meses cada, encerrando-se sempre com montagem final. 

Em 2009, o curso contava com os professores: Ítalo Luiz, Frederico Araújo e José Antônio Mendes. Em 2010, o curso teve nova roupagem, pois Anderson Macleyves, diretor do Teatro e também coordenador do curso resolve fazer parte do corpo docente e cria o uniforme, a carteirinha, a certificação dos alunos, a abertura para Oficinas especiais apenas para os alunos, com professores gabaritados do Rio de Janeiro, a exemplo do Presidente-fundador do "Nós do Morro" e ex-Diretor Artístico do SATED RJ, sr. Guti Fraga e a palestra com o Presidente do SATED RJ, Sr. Jorge Coutinho, além de artistas da cidade, como é o caso de Jiddu Saldanha com sua Oficina de Mímica.

O corpo docente em 2010 era formado por Anderson Macleyves, Frederico Araújo e José Antônio Mendes e por fim em 2011, a equipe foi: Anderson Macleyves, Cláudio Ramos e Frederico Araújo.

Os alunos podem usufruir de aulas de Voz, Corpo (Expressão Corporal), Interpretação e História do Teatro. Todas essas disciplinas subdivididas em módulos ao longo de todo o curso.

Das turmas 2011, a Básica já está formada  e teve sua Montagem Final no dia 05 de novembro, com "Fragmentos" de espetáculos de Nelson Rodrigues.

Agora é a vez da Turma Intermediária, que sob a direção e narração de Anderson Macleyves, subirá ao palco para montagem adaptada de duas obras clássicas do Teatro: "Édipo Rei" de Sófocles e "Rei Lear" de William Shakespeare - adaptação intitulada de "Os Dois Reis" que será apresentada, com entrada franca, no feriado de 15 de novembro às 20h no Teatro Municipal de Cabo Frio.

O elenco é formado por: Walter Ramos, Hiago Lucas, Letícia Batista, Alexya Fernandes, Ed Alves, Fátima Oliveira, Camila Motta, Alan Ranieri, Marcos Mirandão, Beth Navarro, Luã Batista, Danillo Abrantes, Rosano Rabelo, Winny Guimarães, Luana Azeredo, Leonardo Cunha, Wagner Cabral e Wanderson Scorza.
O importante é frisar que o curso é inteiramente gratuito e sempre com inscrições abertas a novos interessados, do mês de dezembro a janeiro.



Atenção Criançada e papais nostálgicos!! "OS SMURFS" no Teatro - Neste sábado, dia 12 - às 17h


SOMENTE NESTE SÁBADO - 12 DE NOVEMBRO - ÀS 17h 
"Os SMURFS"

Obs.: NÃO SE TRATAM DE CARRANCAS EM PLAYBACK E SIM, ESPETÁCULO DE QUALIDADE.

INGRESSOS : R$20 na hora / Antecipados a R$15 e R$10 no próprio sábado a partir das 13h, na bilheteria do Teatro.

Projeto Ecleticamente na Dança - "Pela Luz dos Olhos Teus" - 19/11



O Projeto Eclecticamente na Dança é uma instituição sócio cultural sem fins lucrativos e funciona em parceria com a Escola Municipal Deodoro Azevedo  no bairro Guarani, cidade de Cabo Frio desde o ano de 2000. Ministramos aulas de ballet clássico, street dance e dança de salão.  Os integrantes do Projeto não tem custos mensais por participarem do mesmo. 
  O espetáculo desse ano se chama: Pela luz dos olhos teus! Todas as músicas são de Vinicius de Morais, com excessão da abertura e o número de encerramento com música do Beethoven. A duração é de 1h.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

"PRINCESAS & HERÓIS" - Um MEGA Espetáculo Infantil !!! Neste domingo - dia 06 de Novembro


ATENÇÃO!!!

Uma das MELHORES CIAs. TEATRAIS INFANTIS DO ANO, que se apresentou em Cabo Frio, a “Faz Assim Produções”, do Rio de Janeiro, idealizadora de sucessos como “O ‘Arraiá’ do Sítio do Pica-Pau Amarelo”, “As Férias do Scooby Doo!” e “Enrolados”, estará de volta para a estreia em nosso município de seu mais novo e completo espetáculo: 

“PRINCESAS E HERÓIS”!!

       Com 33 PERSONAGENS no palco ao longo de sua exibição, o espetáculo fornece o grau a mais de fantasia de que tanto gostam as crianças, em todos os aspectos e gostos!!
       Com textos de incrível percepção, os espetáculos desta cia. teatral vêm divertindo não só as crianças, mas também seus pais e acompanhantes, que captam a segunda linha de mensagens bem humoradas citadas pelos seus personagens.
       Neste domingão, dia 06 de novembro, às 17h, no Teatro Municipal de Cabo Frio Inah de Azevedo Mureb, para toda a família!! Não perca!!
       Ingressos a R$20 para adultos SEM filipeta e a R$10 para crianças, idosos e adultos COM filipeta.

       Maiores informações pelo tel.: (22) 2645-4472 / 9863-5631 / 9951-7331   



RESULTADOS DO 9º FET - CABO FRIO

9º FESTIVAL ESTUDANTIL DE TEATRO DE CABO FRIO
INDICADOS e VENCEDORES

MELHOR ATRIZ

BÁRBARA BOY (ENTRE PAREDES) (Escola de Artes de São Pedro D’Aldeia) VENCEDORA

TAINÁ LASMAR (FABULAMENTE) (Escola Sagrado Coração de Jesus)

CAMILA TEODORO (A MENINA, A VELHA E O LOBO) (C. M. Elza Maria Bernardo)

------------------------------------------------------------------------------------------------

MELHOR ATOR

JONATHAN SÁ (A MENINA, A VELHA E O LOBO) (C. M. Elza Maria Bernardo)

ENZO VILASBOAS (ENTRE PAREDES) (Escola de Artes de São Pedro D’Aldeia) VENCEDOR

PATRICK FIGUEIREDO (III CONVENÇÃO ANUAL DOS SERES ENCANTADOS) (Escola Canto dos Pássaros)

-----------------------------------------------------------------------------------------------

MELHOR FIGURINO

BENTO, QUE BENTO É O FRADE? (C. M. Elza Maria Bernardo) VENCEDOR

III CONVENÇÃO ANUAL DOS SERES ENCANTADOS (Escola Canto dos Pássaros)

A MENINA, A VELHA E O LOBO (C. M. Elza Maria Bernardo)

------------------------------------------------------------------------------------------------

MELHOR MAQUIAGEM

III CONVENÇÃO ANUAL DOS SERES ENCANTADOS (Escola Canto dos Pássaros)

A MENINA, A VELHA E O LOBO (C. M. Elza Maria Bernardo) VENCEDOR

ENTRE PAREDES (Escola de Artes de São Pedro D’Aldeia)

-------------------------------------------------------------------------------------------------

SONOPLASTIA

BENTO, QUE BENTO É O FRADE? (C. M. Elza Maria Bernardo) VENCEDOR

ENTRE PAREDES (Escola de Artes de São Pedro D’Aldeia)

O MONÓLOGO DA AZEITONA (Curso Técnico Singular)

----------------------------------------------------------------------------------------------

CENÁRIO

O MONÓLOGO DA AZEITONA (Curso Técnico Singular)

FABULAMENTE (Escola Sagrado Coração de Jesus) VENCEDOR

BENTO, QUE BENTO É O FRADE? (C. M. Elza Maria Bernardo)

-----------------------------------------------------------------------------------------------

ESPETÁCULO: VENCEDORES

3º LUGARFABULAMENTE (Escola Sagrado Coração de Jesus)

2º LUGARA MENINA, A VELHA E O LOBO (C. M. Elza Maria Bernardo)

1º LUGARENTRE PAREDES (Escola de Artes de São Pedro D’Aldeia)

------------------------------------------------------------------------------------------------

PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRIVIVER MELHOR  (E. M. Teixeira e Sousa)


--------------------------------------


TERÇA-FEIRA, 1 DE NOVEMBRO DE 2011

A Volta do Festival de Teatro Estudantil de Cabo Frio.


Quando vim morar em Cabo Frio, em 2004, encontrei uma cidade incendiada por grupos de teatro. Lembro de ter ficado impressionado ao ver, no festival de esquetes de Cabo Frio, FESQ, um número grande de peças de teatro estrelada por artistas e grupos locais. Cenas inesquecíveis com artesãos da arte, a maioria  adolescentes e fazendo frente a artistas oriundos do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Dias depois fui saber que Cabo Frio tinha um festival de teatro estudantil que pavimentava o caminho de novos artistas na cidade tendo revelado grandes talentos.

Escola de artes de São Pedro vencedora do 1º lugar no
9º Festival Estudantil de Teatro de Cabo Frio - 2011
Ainda em 2004 fui convidado para fazer mímica na cerimônia de premiação do 8º Festival de Teatro Estudantil de Cabo Frio. José Facury, no palco, orgulhoso, apresentava o novo mímico da cidade para uma platéia lotada de adolescentes. Pois bem, aquele foi o último festival. Nos anos seguintes apenas silêncio. A cidade se abateu por uma nuvem de rivalidades políticas que passaram a ocupar os espaços da mídia local sem que os estudantes tivessem vez.
Seis anos depois (2011), sou convidado por Anderson Macleyves para fazer mímica e participar da cerimônia de premiação do 9º Festival de teatro Estudantil a entregar alguns troféus para estudantes vencedores do festival. Da platéia vi, emocionado, o ator Cesar Valentin, visivelmente tocado de emoção, fazer um discurso humilde, humano e profundo. Ele conclamou a cidade de Cabo Frio a zelar pelo retorno de um dos mais significativos eventos ligado à cultura da cidade. Havia em cada olhar um brilho especial e uma cumplicidade. Um sentimento de reconciliação.
A Menina, a Velha e o Lobo - C. M. Elza Maria Bernardo
Melhor Maquiagem.
Representantes da TRIBAL, Ravi Arrabal e Fernando Chagas, subiram ao palco e e cumprimentaram os aspirantes a artistas. Havia um sentimento coletivo de união para a realização de um dever, zelar pelo festival de Teatro Estudantil de Cabo Frio que, na minha percepção é uma obrigação de todas as forças políticas e instituições da cidade, a educação, nessas horas, tem que ser neutra, porque dela depende todo um futuro.
Jamais esquecerei as palavras de uma adolescente com os olhos cheios de lágrimas e um sorriso quase chapliniano e dizendo com  orgulho: “Tio, um dia o senhor ainda vai ouvir falar de mim”. Aquela cena foi uma das mais bonitas que já vi em meus quase 30 anos de teatro. Não era uma cena de ficção, uma encenação, era o exercício da arte se preparando para mudar o destino de alguém. Os estudantes vibravam com suas vozes doces e estridentes esbanjando sua espontaneidade indefesa. Sim, o festival de teatro estudantil voltou a acontecer na cidade de Cabo Frio.
Como diria o grande poeta carioca Tanussi Cardoso “Arte tarde do que nunca”!.


FABULAMENTE - Escola Sagrado Coração de Jesus - Melhor Cenário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------



Texto de Jiddu Saldanha


FONTE: 
http://teatropossivel.blogspot.com

Livro sobre Wolney - Dia 13 de novembro



Secretaria de Cultura lançará livro sobre Wolney Teixeira no dia 13 de novembro, aniversário de Cabo Frio

A Secretaria de Cultura de Cabo Frio vai promover, no dia 13 de novembro, aniversário da cidade, o lançamento do livro “Wolney Teixeira: Sal da Terra – Fotografias da Região dos Lagos de 1930 a 1970”, organizado pelo fotógrafo e crítico de arte Mauro Trindade. O evento será realizado no Teatro Municipal a partir das 19h, e contará com uma palestra com Mauro Trindade, organizador do livro; Warley Sobrosa, filho de Wolney, que trabalhou junto com o pai e que falará sobre as técnicas fotográficas utilizadas por Wolney, Yone Nogueira e o professor João Henrique de Oliveira Cristóvão.
A exposição de algumas das fotografias mais importantes de Wolney foi realizada nos meses de julho e agosto no Centro Cultural da Caixa Econômica Federal, quando reuniu muitos amigos e admiradores da obra de Wolney, além de amantes e estudantes da fotografia.
A Prefeitura de Cabo Frio é uma das patrocinadoras do livro, que foi confeccionado em capa dura e tem 120 páginas contendo fotografias e textos de historiadores como Ione Nogueira e João Henrique de Oliveira Cristóvão, que analisa a memória coletiva de Cabo Frio registrada por Wolney Teixeira e suas temáticas e características estilísticas. A professora Ione Nogueira faz uma breve apresentação sobre a história da cidade e o professor Mauro Trindade analisa a obra de Wolney dentro da História da Arte.
 O Teatro Municipal de Cabo Frio, onde será realizado o evento, comporta 277 pessoas. Essas pessoas que forem assistir à palestra terão direito a um livro, em homenagem ao aniversário da cidade:
- Essa foi uma ação muito importante da Secretaria de Cultura na medida em que participamos da valorização da memória da cidade, ainda mais quando se trata do grande fotógrafo Wolney Teixeira. Além disso, a Secretaria está programando para 2012 uma grande exposição fotográfica seguida de debates sobre o desenvolvimento de Cabo Frio – afirmou o secretário de Cultura José Correia.

Viviane Rocha 

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

9º FESTIVAL ESTUDANTIL DE TEATRO - de 26 a 30 de Outubro 2011


Depois de 07 (sete) anos estacionado... enfim... resgatamos o Festival Estudantil de Teatro de Cabo Frio !!! Compareçam! Traga sua escola ! Entrada Franca !

O 9° Festival Estudantil de Teatro (FET) acontecerá de 26 a 30 de outubro com a participação de sete unidades escolares participantes escolhidas e que apresentarão oito peças teatrais.

Na quarta-feira, dia 26, às 15h, a Escola Municipal Teixeira e Sousa apresenta a peça “Viver Melhor”, e, às 20h, a “III Convenção Anual dos Seres Encantados” será apresentada pela Escola Canto dos Pássaros. Na quinta-feira, dia 27, às 15h, o Colégio Municipal Elza Maria Bernardo participa do festival com a peça “Bento, que Bento é o Frade?”, e, às 20h, a Escola Artes de São Pedro D’Aldeia encena “Entre Paredes”.  Na sexta-feira, dia 28, às 15h, a peça “A Menina, a Velha e o Lobo” encerra a participação do C. M. Elza Maria Bernardo no festival; às 20h, o Curso Técnico Singular apresenta a peça “o Monólogo da Azeitona”. No último dia de festival, o Curso Básico Interpretação (TEMIAM) participa como não concorrente, com a peça “Álbum de Família – Fragmentos – Profeta Tricolor”, às 15h, e, às 20h, a Escola Sagrado Coração de Jesus encerra o festival com “Fabulante”.      

O evento tem o objetivo de estimular, entre os estudantes de escolas públicas e privadas, o interesse pelas artes cênicas; promover o intercâmbio cultural entre as cidades da região; proporcionar o entretenimento participativo e incentivar a competição saudável entre os jovens, ressaltando a importância da questão cultural no desenvolvimento do alunado. Segundo o diretor de teatro, Anderson Macleyves, o festival é um incentivo à produção teatral, formação de profissionais das artes cênicas e formação de platéia.

A divulgação dos resultados do 9° FET será no domingo, dia 30 de outubro, às 20h, quando serão premiados os melhores trabalhos. Haverá premiações para as categorias: Melhor Espetáculo, Melhor Ator, Melhor Atriz, Melhor Cenografia, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Sonoplastia e Melhor Esquete com temática Teixeira e Souza. Os 1°, 2° e 3° lugares receberão prêmios em dinheiro: R$ 1.000,00, R$ 500,00 e R$ 300,00, respectivamente, e, ainda, o melhor da categoria Esquete receberá um prêmio de R$ 500,00.

O 9° Festival de Teatro Estudantil tem entrada gratuita e é aberto ao público, porém a visitação de grupos deve ser agendada previamente com a administração do teatro. O Teatro Municipal de Cabo Frio fica situado à Rua Aníbal Amador Vale, s/n°, bairro Algodoal.

Mais informações pelo telefone (22) 2645-4472, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, ou pelo e-mail: teatromunicipaldecabofrio@gmail.com.
 


sexta-feira, 21 de outubro de 2011

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

AGENDA FOYER CULTURAL 2012


" O Teatro Municipal de Cabo Frio informa que já esta aberto o Edital 2012, para agendamento das exposições de Artes Plásticas no seu Foyer Cultural. As exposições podem ser individuais, em dupla ou coletivas. O custo é zero e os interessados deverão solicitar o regulamento com a Curadora Dyandreia Portugal pelo e-mail: dyandreia@yahoo.com.br. Com essa atitude, a Diretoria do Teatro incentiva e contribui para promover o artista cabofriense."

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

BONECARTE VII - de 13 a 18 de outubro







O Teatro Municipal de Cabo Frio receberá, de 13 a 18 de outubro, o evento Bonecart, idealizado pelo grupo Sorriso Feliz Criações Artísticas, com apoio da Associação Rio de Teatro de Bonecos (ARTB), da Associação Brasileira de Teatro de Bonecos (ABTB) e da União Internacional do Teatro de Animação (ENIMA).

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Neste Sábado e Domingo às 20h - "P.I. - Palavras Improvisadas"

Nesta sexta dia 30 de setembro - "BICICLETA FUNANA"

de 08 a 12 de outubro de 2012 - MOSTRA INFANTIL DE TEATRO & DANÇA


“III MOSTRA INFANTIL DE TEATRO E DANÇA” (R$5,00 + BRINQUEDO) * E “I FEIRA DO LIVRO INFANTIL E INFANTO JUVENIL” – TODOS OS DIAS DAS 08H ÀS 20H
PROGRAMAÇÃO
08/10 – SÁBADO
               17h – WORKSHOP DE TEATRO INFANTO-JUVENIL (frente ou foyer – GRATUITO – inscrições no local por ordem de chegada)
  18h às 21h – ACADEMIAS DE DANÇA (palco)
    • FRANCISCO DE MATOS – ECLETICAMENTE NA DANÇA
    • CABO FRIO BALLET
    • STUDIO FAMA
    • ART NO HARÉM
    • BALLET OFÉLIA CORVELLO
    • BALLET MARCIA SAMPAIO
    • CIA. DE DANÇA ADRIANO LABIS
    • CIA. DE DANÇA ROSA DEMARCHI
09/10 - DOMINGO
               17h – ESPETÁCULO “SCOOBY-DOO” (palco)
              19h – ESPETÁCULO “SÍTIO-DO-PICAPAU-AMARELO” (palco)
10/10 – SEGUNDA-FEIRA (com fotógrafo e câmera man)
              10h – PALESTRA DA FEIRA INFANTIL (palco)
              14h – WORKSHOP DE TEATRO INFANTIL (frente ou foyer)
               15h – ESPETÁCULO DE DANÇA: ECLETICAMENTE STREET
              17h – SHOW DE MÁGICA DO STUMPF E ATRAÇÕES CIRCENSES EM GERAL (palco)
11/10 – TERÇA-FEIRA
              09h – WORKSHOP DE TEATRO INFANTIL (frente ou foyer)
              10h – PALESTRA DA FEIRA INFANTIL (palco)
12/10 – QUARTA-FEIRA
              15h – WORKSHOP DE TEATRO INFANTIL (foyer)
              16h – DEMONSTRAÇOES DE MÁGICA DO STUMPF E OUTRAS CIRCENSES EM GERAL (frente E foyer)
               17h – ESPETÁCULO “ENROLADOS (DISNEY)”



Jiddu Saldanha - "Palavra Entrelaçada" - em breve


Palavra Entrelaçada - Novo Espetáculo de Jiddu Saldanha.

Estréia dias 20 e 21 de outubro, TEATRO MUNICIPAL DE CABO FRIO
às 20 horas R$ 10,00 (Meia entrada para idosos, crianças e quem levar um texto sobre Amizade).

Palavra Entrelaçada
(Histórias e relatos de amizade)

O Novo espetáculo de Jiddu Saldanha, “Palavra Entrelaçada”, é uma série de narrações onde a amizade entre pessoas e animais são exaltados com o objetivo construir, no coração do público adulto e infantil, a importância de se ter amigos, de se caminhar juntos e viver uma vida onde a palavra solidão é substituída por solicitude e a palavra isolamento é vencida pela força do amor incondicional e desprovido de “interesse”.
Para realizar este espetáculo, Jiddu conta com um repertório que vai desde seu trabalho autoral até pesquisas de lendas antigas de diversas culturas, trazidas para o universo atual e brasileiro.
Algumas histórias contadas neste espetáculo:
  • Tipos de Amizade: “De amigos da Onça” a “Arquinimigos”, nesta fala inicial, impregnada de humor, Jiddu fala dos diversos tipos de amizade, citando inclusive “falsos amigos” até chegar aos amigos de verdade. Para aquecer o público e brincar no velho e gostoso estilo de humor brasileiro.
  • A Incrível História de amizade entre Gilgamesh e Enkidu – Umas das mais antigas narrativas escritas pelo homem, a história do Rei Gilgamesh foi escrita na antiga suméria e reza a lenda, que teria sido o primeiro texto poético escrito pelo homem desde quando a escrita foi inventada.
  • A Lenda de Kintaro: Kintaro é uma antiga lenda japonesa que conta a história de um menino que tinha um curioso grupo de amigos formado apenas por animais. Nas horas vagas ele gostava de passear na floresta e brincar com seus amigos, até o dia em que um desafio maior coloca esta amizade à prova.
  • Os animais e os amigos – Esta história autoral, de Jiddu Saldanha, fala do cotidiano entre o próprio autor e experiência com os animais de estimação. Relatos recolhidos a partir de histórias ouvidas dos próprios amigos. Esses relatos foram amalgamados numa única história onde o valor da amizade de cães, gatos e outros bichos tornam-se uma forma de resolver questões entre humanos e oferecer conforto a corações solitários.
  • O Amigo Desconhecido: Nesta história, Jiddu Relata atos de solidariedade que ajudaram a salvar pessoas em situação de guerra, pobreza, doença e fronteira entre a vida e a morte. Esta história é um resumo não só de experiências pessoais e familiares mas também fatos ocorridos em situação de guerra, onde a amizade fez a diferença.

1ª Feira do Livro Infantil e Infanto Juvenil de Cabo Frio

sexta-feira, 23 de setembro de 2011